O Novo Pentecostes sob o Patriarcado Romano

Quando a igreja perdeu a presença física do Papa da família conhecido hoje pela honraria do nome de São João Paulo II parecia se ter aberta uma cicatriz em nossos corações difícil de curar, dada a importância de todo o Papado de São João Paulo II e todas batalhas que travou junto a igreja contra os espíritos mundanos.

Tivemos então a eleição do Papa Bento XVI para novo Sumo Pontífice e centro de união da Igreja, um grande teólogo e fiel escudeiro de São João Paulo II, sendo Prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé sob o Pontificado do bem aventurado João de Deus.

Bento XVI travou grandes batalhas contra o relativismo, a mídia e as forças que lutam contra a Igreja de Cristo, porém, com toda está necessidade de atuação, viagens diplomáticas e tudo o que pede a quem ocupa o trono de Pedro acabou por ter seu dom teológico e doutrinal de certa forma anulado, pois já não detinha o mesmo tempo para analisar os problemas que circundavam nosso tempo, e assim, tendo quase que anulado seu dom do Espírito Santo e vendo os avanços do inimigo da igreja meditou e humildemente pediu ao conselho de cardeais para que pudesse voltar a dar o seu melhor em Honra e Glória a Cristo e para o bem da igreja mas fora do trono de Pedro, renunciando assim o Pontificado, algo que ocorreu poucas vezes na igreja mas que não era inédito.

A Igreja recebeu então o abençoado Papa Francisco, eleito pelos Cardeais como novo Sumo Pontífice, trazendo consigo o carisma que já conhecemos, um sucessor de Pedro leve para tempos pesados para que a igreja pudesse enfrentar e resistir a mais um teste dos tempos, assim como nosso senhor prometeu:


Mateus 16, 18-19

“E eu te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja; as portas do inferno não prevalecerão contra ela. Eu te darei as chaves do Reino dos céus: tudo o que ligares na terra será ligado no céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus.”


Sob o Pontificado do Papa Francisco começara uma parceria fruto do Espírito Santo sobre a Igreja, os carismas de dois grandes servos de Deus, o Papa Emérito Bento XVI e o Sumo Pontífice Papa Francisco.

O que parecia uma derrota da igreja para o mundo a renuncia de Bento XVI, nada mais foi que a unção do espírito Santo de Deus sobre a Igreja, renovando seus servos no Espírito Divino e colocando-os onde melhor desenvolveriam os dons herdados de Deus para governarem Sua Igreja na terra de forma a guiarem Suas ovelhas para longe do precipício que o mundo vem caindo nestes tempos.

Muitos sensacionalistas, politiqueiros e pessoas com más intenções dizem que a renuncia de Bento XVI e a eleição do Papa francisco foi um divisor de águas na igreja por alguma espécie de racha na hierarquia da Igreja. Homens pobres de espírito que não enxergam nada mais que a superfície e com olhos de mau agouro.

Houve sim um novo Pentecostes sob a Igreja Católica Romana, trazendo a unidade de seus maiores sábios e representantes na terra, graças a Deus que nos envia o Espírito Santo e a Cristo que nunca abandonou sua promessa e a Igreja, graças a Santa intercessão da Imaculada, a Santa mãe de Jesus, que ora por nós, pela nossa conversão e salvação, coordenando-nos para Jesus, assim como fez junto aos apóstolos. Reordenando as funções de cada servo de modo a empenharem o melhor de seus dons, o Espírito Santo demonstra sua ação Divina na Igreja e seu zelo pela mesma. Mas isto só e possível para os que se deixam coordenar pelo Espírito Divino, sendo humilde, deixando que seja feita a vontade perfeita de Deus e não nossa vontade humana imperfeita.

Demos graças, a Santíssima trindade está conosco, está na igreja. Céus e terras passaram mais Sua palavra não passará e as portas do inferno não prevalecerão sobre a Igreja.

 

Vinde Espírito Santo!

Vinde Espírito Santo, enchei os corações dos vossos fiéis e acendei neles o fogo do Vosso Amor. Enviai o Vosso Espírito e tudo será criado e renovareis a face da terra.
Oremos: Ó Deus que instruíste os corações dos vossos fiéis, com a luz do Espírito Santo, fazei que apreciemos retamente todas as coisas segundo o mesmo Espírito e gozemos da sua consolação. Por Cristo Senhor Nosso. Amém

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s